A Revolução Francesa

. sábado, 2 de maio de 2009

Documento 1.
A nobreza beneficia de tudo, possui tudo (...). entretanto, se é a nobreza que comanda os exércitos, é o Terceiro Estado que os compõe:; se a nobreza verte uma gota de sangue, o Terceiro Estado derrama torrentes. A nobreza esvazia o tesouro real, o Terceiro Estado enche-o; numa palavra, o Terceiro Estado paga tudo e não beneficia de nada.

Caderno de Queixas do Terceiro Estado nos Estados Gerais, 1789.


Agora já sabes responder.
1. Explica os motivos que levaram Luís XVI a convocar os Estados Gerais. (Resposta da Carla Mascarenhas do 8º D)
Luís XVI convocou os Estados Gerais, para se resolver o problema das finanças públicas com o aumento dos impostos em que os grupos sociais privilegiados também teriam de pagar, mas estes não concordaram, por isso o rei decidiu convocar os Estados Gerais.

2. Refere os motivos que levaram os representantes do 3º Estado a abandonar os Estados Gerais. (Resposta da Alexandra e do Nichal do 8º C).
Os motivos que levaram o 3º Estado a abandonar os Estados Gerais, foi a o clero e a nobreza não aceitarem o voto por cabeça, querendo o voto por ordem, pois sabendo que sairiam derrotados, porque grande parte da população faz parte do 3º Estado. O 3º Estado descontente com a situação, abandona os Estados Gerais, e vai se reunir na sala do Jogo da Péla, para discutir medidas. Cria-se então a Assembleia Nacional Constituinte, que tem como objectivo dotar a França de uma constituição, que mais tarde leva há toma da Bastilha no dia 14 de Julho de 1789, porque o rei dissolve a Assembleia.

3. Identifica o acontecimento representado na fig. 1 e localiza-o no tempo. (resposta do Ibrahim Salim do 8º D).
Este acontecimento ficou conhecido como a " Tomada da Bastilha" ou seja, alguns burgueses e soldados tomaram de assalto a Bastilha em 14 de Julho de 1789.

4. Indica quais foram as medidas tomadas pela Assembleia Constituinte. (Resposta do Daniel Leal do 8º C).
As medidas tomadas pela Assembleia Constituinte foi : a Abolição dos direitos feudais e da venalidade dos cargos, Declaração dos Direitos do Homem e do Cidadão, Nacionalização de bens do clero e Elaboração da Constituição de 1791 que consistia na separação dos poderes e o direito ao voto censitário, só para os cidadãos que pagassem impostos.

5. Refere como ficou definido a questão da separação dos poderes. (resposta do Rodrigo Pereira do 8º D)
A organização dos poderes ficou definida da seguinte forma:
Poderes:
* Legislativo - Assembleia Nacional
* Executivo - Rei
* Judicial - Tribunais

35 comentários:

Anónimo disse...

1)Os motivos que levaram Luís XVI a convocar os Estados Gerais foram:
-Aumento dos impostos alargando o seu pagamento aos grupos sociais privilegiados mas a nobreza e o clero rejeitam esse imposto o que obrigou ao Rei a convocar os Estados Gerais.

2)Os motivos que levaram os representantes do 3º Estado a abandonar os Estados Gerais foi pela questão do voto.

3)O acontecimento representado na fig. 1 representa a tomada da Bastilha a prisão parisiense no dia 14 de Julho de 1789.

4)As medidas tomadas pela Assembleia Constituinte foram:
- Adolição dos direitos feudais;
-Declaração dos direitos do homem e do cidadão
-todos os homens são iguais perante a lei.
-a sobernania reside na nação e não ao rei.
-direito a propriedade.
-Nacionalização dos bens do clero.
-Constituição de 1791:
-Separação de poderes

5)A questão da separação dos poderes ficou definido como no qual o poder legislativo fosse entregue a uma assembleia eleita,o poder executivo fosse entregue ao Rei e o poder judicial fosse entregue aos tribunais.

Ricardo Fernandes 8ºC Nº21

Anónimo disse...

1-Os motivos que levaram Luís XVI a convocar os Estados Gerais foi a perda de dinheiro por causa das guerras; acordos com a Inglaterra que levam a falência das manufacturas francesas, o rei gasta muito dinheiro com a nobreza e com o clero isso implica aumentar os impostos e aplicar à nobreza e ao clero e o clero e a nobreza não aceitam esse imposto.

2-Os motivos que levaram os representantes do 3º Estado a abandonar os Estados Gerais foi a questão do voto por não ser voto por cabeça mas sim voto por ordem.

3-O acontecimento representado na figura 1 é a Tomada da Bastilha a 14 de Julho de 1789.

4-As medidas tomadas pela Assembleia Constituinte foram a abolição dos direitos feudais, declaração dos direitos do Homem e dos cidadãos:todos os homens são iguais perante a lei, a soberania reside na Nação (e não na lei, direito à propriedade; Nacionalização dos bens do clero.

5-A separação dos poderes ficou definida da seguinte maneira: poderlegislativo para a assembleia, poder eecutivo para o rei e o poder judicial para os tribunais.

Cássia nº5 Rita nº24 8ºC

Thiago Pimenta nº27 8ºD disse...

1-)Para resolver o problema das finanças Públicas, LUÍS XVI pretendia, por meio de uma reforma fiscal, aumentar os impostos, alargando o seu pagamento aos grupos sociais privilegiados. A recusa da nobreza e do clero em aceitar esta proposta obrigou o rei a convocar a reunião dos "ESTADOS GERAIS".

2-)O clero e a nobreza queriam que os votos fossem contados por ordem; já o Terceiro Estado defendia que os votos deveriam ser contados por cabeça.Se a opção fosse o voto por ordem, o clero e a nobreza votariam juntos e nada mudaria, mas se fosse por cabeça, como o Terceiro Estado tinha mais representantes, sairia vitorioso da Assembléia dos Estados Gerais. As discussões se prolongaram por um mês, e nada foi resolvido.
O Terceiro Estado composto principalmente por elementos da burguesia resolveu separar-se dos Estados Gerais, e formar uma Assembléia Constituinte para dar a França uma constituição, e ao mesmo tempo extinguir os privilégios do clero e da nobreza.

3-)O acontecimento representado na figura.1 é a Revolução Francesa e aconteceu em 5 de Maio de 1789.

4-)As medidas tomadas pela Assembléia constituinte foram:
-Abolição dos direitos feudais, Venalidade dos cargos;
-Declaração dos direitos dos homens e do cidadão;
-Nacionalização dos bens do Clero;
-Elaboração da constituição de 1791, que instituiu o princípio da Separação de Poderes.

5-)A questão da separação de poderes ficou concretizada que o poder legislativo é entregue a uma assembléia eleita, o poder Executivo ao REI e o poder judicial aos tribunais. Foi igualmente estabelecido o voto Censitário, só para os cidadãos que pagavam imposto.
Com isso, com o juramento da Constituição pelo REI, França tornou-se uma MONARQUIA CONSTITUCIONAL.

Thiago Pimenta nº27 8ºD

Anónimo disse...

1-Perda de dinheiro por causa das guerras; Acordos com Inglaterra que levam a falência das manufacturas francesas; O rei gasta muito dinheiro com a nobreza e o clero e isso implica aumentar os impostos e aplica-os a nobreza e ao clero Mas eles não aceitam.

2-O voto era por ordem e não por cabeça.

3-Tomada da Bastilha 14 de Julho de 1789.

4-Abolição dos direitos feudais; Declaração dos direitos do Homem e dos cidadãos; Direito à propriedade; Nacionalização dos bens do clero.

5-Poder legislativo - Assembleia
Poder executivo – Rei
Poder judicial – Tribunais.

Ass:Jeniffer Silva 8ªC nª15

Anónimo disse...

1º Os motivos que levaram Luís XVI a convocar os Estados Gerais, foi que o rei pretendia por meio duma reforma fiscal, aumentar os impostos, alargando o seu pagamento aos grupos sociais privilegiados. A recusa da nobreza e do clero em aceitar esta proposta obrigou o rei a convocar a reunião dos Estados Gerais.

2º Os motivos que levaram os representantes do terceiro estado a abandonar os Estados Gerais, foi que a nobreza e o clero não tinha consciência do poder do povo. Queriam manter o sistema tradicional de um voto por cada classe social o que lhes era favorável. A nobreza e o clero, perceberam que o povo tinha mais deputados que os dois estados juntos, por isso queriam valer o voto por ordem social, mas os representantes do povo e da burguesia exigiam um voto por deputado. Para que isso acontecesse seria necessário uma alteração na constituição só que o clero e a nobreza não concordaram com essa atitude o que levou o terceiro estado a se revoltar e a sair dos Estados Gerais.

3º O acontecimento representado na fig.1 retrata a tomada da Bastilha, 14 de Julho 1789.

4º As medidas tomadas pela Assembleia Constituinte foi : a Abolição dos direitos feudais e da venalidade dos cargos, Declaração dos Direitos do Homem e do Cidadão, Nacionalização de bens do clero e Elaboração da Constituição de 1791 que consistia na separação dos poderes e o direito ao voto censitário, só para os cidadãos que pagassem impostos.

5ºA questão da separação dos poderes ficou definido em que o poder legislativo era entregue à assembleia, o poder executivo era entregue ao Rei e o poder judicial ficou atribuído ao tribunal.


Daniel Leal Nº6, 8ºC

Tatiana disse...

1- Luís XVI convocou os estados gerais porque este queria que a nobreza pagasse impostos mas esta não queria, então Luís XVI convocou os estados gerais para chegar a um acordo.

2- o terceiro estado queria que a votação fosse individual.

3-É a tomada da Bastilha que se sucedeu em 14 de – Julho de 1789

4- As medidas foram a abolição dos direitos judiciais, a declaração dos direitos dos homens e dos cidadãos e a nacionalização dos bens do clero

5- O poder legislativo ficou para a assembleia, o poder executivo para o rei e o poder judicial para os tribunais.

Ass: Tatiana Duarte 8ºC

Anónimo disse...

1- Devido á crise financeira causada pelos elevados custos com as guerras; á burguesia socialmente descontente por não participar activamente na politica; á população sobrecarregada de impostos, ao elevado desemprego, salários baixos e subida de preços; á crise economica, aumento dos produtos alimentares e sua escassez. A crise geral obrga Luís XVI de França a lançar uma reforma fiscal em que aumentava os impostos, em que todos os grupos sociais estariam incluidos. O rei vê-se obrigado a convocar a reunião dos Estados Gerais, porque a burguesia e o clero, ordens previligiadas(não pagavam impostos), se recusam a tais alterações.

2- O desentendimento quanto á forma de votação levou o terceiro estados a abandonar os Estados Gerais, pois a nobreza e o clero não queriam alterar a posição favorável quanto ao sistema tradicional de votação, um voto por ordem social, enquanto o povo e a burguesia pertendiam um voto por deputado.

3- A figura representa, o dia 14 de Julho de 1789, momento em que a burguesia e soldados tomam de assalto a Bastilha, libertam os seus prisioneiros e destroiem a prisão.

4- A Assembleia Constituinte fez aparecer na França uma Constituição escrita, inicialmente representada por membros do terceiro estado e mais tarde de acordo com o rei, participam o clero e a nobreza da Assembleia Nacional.

5- Após o periodo revolucionário, os ideais populares sobrepõen-se ao poder real e sob orientação dos ideais iluministas é elaborado, em 1791, a Constituição do princípio da separação dos poderes em:
-poder legislativo- petence a uma assembleia eleita,
-poder executivo- pertence ao rei,
-poder judicial- pertence aos tribunais.


Daniela Filipa nº7 8ºC

carolina disse...

1- Luís XVI convocou os estados gerais porque este queria que a nobreza pagasse impostos mas esta não queria, então Luís XVI convocou os estados gerais para chegar a um acordo.

2- o terceiro estado queria que a votação fosse individual.

3-É a tomada da Bastilha que se sucedeu em 14 de – Julho de 1789

4- As medidas foram a abolição dos direitos judiciais, a declaração dos direitos dos homens e dos cidadãos e a nacionalização dos bens do clero

5- O poder legislativo ficou para a assembleia, o poder executivo para o rei e o poder judicial para os tribunais.

Anónimo disse...

1- Os motivos que levaram Luís XVI a convocar os Estados Gerais foi devido que a nobreza e o clero tinham recusado, o aumento dos impostos, e o alargamento dos pagamentos dos grupos sociais priviligiados.

2- Devido aos problemas do sistema de cotaçao ou por ordem ou por deputado.

3- Foi a tomada da Bastilha, Prisão Parisiense no dia 14 de julho de 1789.

4- As medidas tomadas pela Assembleia Constituinte foram : Abolição dos direitos feudais, declaração dos direitos do homem e do cidadão,constituição de 1791 e a nacionalização dos bens do clero.

5- Ficou definido que o rei seria executivo, assembleia nacional legislativo e po fim os tribunais seriam judicial

Clauvis Gonçalves nº4 8ºD

Anónimo disse...

1-Era para os Estados Gerais resolverem os problemas que os "antecedentes" causaram(sociedade, politica, económicase económicas).

2-Os motivos foram: os estados gerais foram convocados pelo rei para solucionar os problemas económicos mas houve um problema é que o sistema de cotação era ou por ordem ou por deputado mas acabou por ser por ordem e assim o 3ºestado abandonou o estados gerais.

3-A imagem representa a Tomada da Bastilha(prisão parisiente) que foi em 14 de julho de 1789 pelo 3º estado.

4-As medidas tomadas pela Assembleia Constituinte
foram: o 3º estado reunido na sala da Pela;abolição dos direictos feudais;declaração dos Direitos do Homem e do cidadão(igualdade, liberdade, fraternidade, a sobermia reside na Nação); nacionalização dos bens da Igreija; contituição de 1791.

5-Ficou conhecida como legislativo executivo e judicional.

trabalho realizado por:
joana sousa nº16 8D

Carla Mascarenhas nº3 8ºD disse...

1.Luís XVI convocou os Estados Gerais, para se resolver o problema das finanças públicas com o aumento dos impostos em que os grupos sociais privilegiados também teriam de pagar, mas estes não concordaram, por isso o rei decidiu convocar os Estados Gerais.

2.O 3º Estado abandonou os Estados Gerais pois o clero e a nobreza queriam manter o sistema de voto por ordem social, que lhes era favorável, mas o 3º Estado exigiam a alteração desse sistema para o por deputado. Sendo assim o 3º Estado abandonou os Estados Gerais e reuniu-se numa sala de Pela para constituir a Assembleia Geral.

3.O acontecimento representado é a tomada da bastilha pelo 3º Estado e aconteceu no dia 14 de Julho de 1789.

4.As medidas tomadas pela Assembleia Constituinte foram:
-a abolição dos direitos feudais;
-a declaração dos direitos do Homem e do cidadão:
* Igualdade
* Liberdade
* Fraternidade
*A sobrenia reside na nação ;
-a nacionalização dos bens da igreja;
-constituição de 1791, baseado na separação dos poderes.

5.A separação foi a seguinte: o poder legislativo foi entregue à assembleia, o poder executivo ficou a cargo do rei e o poder judicial aos tribunais.


Carla Mascarenhas nº3 8ºd

Anónimo disse...

1-Os motivos que levaram Luís XVI a convocar os Estados Gerais foi sobre os impostos que a nobreza e o clero teriam de começar a pagar, porque o 3º Estado já estava falido.
2-O que levou o 3º Estado a abandonar os Estados Gerais foi por causa dos votos, nao ía ser voto por cabeça mas sim por grupo social.
3-A figura 1 representa uma prisao em França.
4-Foi quem nao concorda-se com eles ía para a guilhotina

Hugo 8C nº13. stor o 5 nao percebi.

Anónimo disse...

1. Os impostos aumentaram com isso cobravam os grupos privilegiados, o Clero e a Nobreza não aceitam, logo obrigaram o rei a convocar esta reunião dos Estados Gerais.

2. O Clero e a Nobreza votavam na ordem social, enquanto o 3º Estado votava no deputado. Acabou por ganhar o Clero e a Nobreza, que possuíam um grande número de representantes, insatisfeitos pelo sucedido o 3º Estado abandona os Estados Gerais.

3. O acontecimento apresentado na imagem 1 é a Tomada Da Bastilha, 14 de Julho de 1789.

4. As medidas tomadas foram as seguintes:
-Abolição dos direitos feudais;
-Declaração dos direitos do homem e do cidadão;
-Nacionalização dos bens da igreja;
-Constituição de 1791;
-Separação dos poderes;
- Voto censitário.

5. Era a separação dos poderes legislativos, que foi entregue à Assembleia Nacional, o executivo que era entregue ao rei e o judicial que foi entregue aos tribunais.

Jéssica Costa Campos Nº15 8ºD

Anónimo disse...

1)Os motivos que levaram Luís XVI a convocar os Estados Gerais foi o acordo com a Inglaterra que levaram a falência das manufacturas francesas e o rei gastava muito dinheiro com a nobreza e clero por isso aumentou os impostos e aplicou-os à nobeza e ao claro no entanto estes recusam-se aceitam.

2)Os motivos que levaram os representantes do 3º Estado a abandonar os Estados Gerais foi oa questão do voto, não sendo por cabeça mas sim por ordem.

3)Revolta - Tomada da Bastilha (14 de Junho de 1789).

4)As medidas tomadas pela Assembleia Constituinte foram:

* Abolição dos direitos feudais;

* Declaração dos direitos dos Homens e dos Cidadãos;

* Todos os Homens são iguais perante a Lei;

* A soberania reside na Nação;

* Direito à propriedade;

* Nacionalização dos bens do Clero.

5)
Poder Legislativo -> Assembleia
Poder Executivo -> Rei
Poder Judicial -> Tribunais.

8ºC João R. nº17 Ricardo R. nº23

Nichal e Alexandra disse...

1) Os motivos que levaram Luis XVI a convocar os Estados Gerais foi principalmente pela crise que a economia francesa estava a sofrer, naqueles tempos, pois havia uma grande perda de dinheiro, por causa de grandes e numerosas guerras com que a França tinha se de debater constatemente, um acordo com um dos grandes rivais dos franceses, a Inglaterra, que levava a perda de preciosidades e mesmo nalguns casos, há falência das manufacturas da França, o Rei que gastava muito do ouro, a sustentar o clero e a nobreza que estavam resididos no Palácio de Versalhes, o que levou a um aumento significativo de impostos aplicados há nobreza e ao clero, que não aceitando esse imposto, obrigaram o Rei a convocar os Estados Gerais.


2) Os motivos que levaram o 3º Estado a abandonar os Estados Gerais, foi a o clero e a nobreza não aceitarem o voto por cabeça, querendo o voto por ordem, pois sabendo que sairiam derrotados, porque grande parte da população faz parte do 3º Estado. O 3º Estado descontente com a situação, abandona os Estados Gerais, e vai se reunir na sala do Jogo da Péla, para discutir medidas. Cria-se então a Assembleia Nacional Constituinte, que tem como objectivo dotar a França de uma constituição, que mais tarde leva há toma da Bastilha no dia 14 de Julho de 1789, porque o rei dissolve a Assembleia.

3) A figura representa a Tomada da Bastilha, que ocorreu no dia 14 de Julho de 1789, em que o 3º Estado "destrói" uma prisão francesa, pela revolta causada pela dissolvação da Assembleia por parte do rei.

4) As medidas tomadas pela Assembleia Constituinte foram, a abolição dos direitos feudais, a declaração dos direitos do Homem e cidadãos em que constava que todos os homens são iguais perante a lei,a soborenia consiste na nação (e não no rei), o direito á propriedade, entre outros artigos, a Nacionalização de bens do clero, a Constituição de 1791, para a separação de poderes e foi feita uma maneira de Eleição para Assembleia (pelo voto censitário, ou seja, só vota que paga)

5) Os poderes foram separados, ficando o poder legislativo para a Assembleia, o poder Executivo para o Rei e o poder judicial para os tribunais.


8ºC

Anónimo disse...

1º Os motivos que levaram Luís XVI a convocar os Estados Gerais, foi que o rei pretendia por meio duma reforma fiscal, aumentar os impostos, alargando o seu pagamento aos grupos sociais privilegiados. A recusa da nobreza e do clero em aceitar esta proposta obrigou o rei a convocar a reunião dos Estados Gerais.

2º Os motivos que levaram os representantes do terceiro estado a abandonar os Estados Gerais, foi que a nobreza e o clero não tinha consciência do poder do povo. Queriam manter o sistema tradicional de um voto por cada classe social o que lhes era favorável. A nobreza e o clero, perceberam que o povo tinha mais deputados que os dois estados juntos, por isso queriam valer o voto por ordem social, mas os representantes do povo e da burguesia exigiam um voto por deputado. Para que isso acontecesse seria necessário uma alteração na constituição só que o clero e a nobreza não concordaram com essa atitude o que levou o terceiro estado a se revoltar e a sair dos Estados Gerais.

3º A tomada da Bastilha 14 de Julho 1789.

4º As medidas tomadas pela Assembleia Constituinte foi : a Abolição dos direitos feudais e da venalidade dos cargos, Declaração dos Direitos do Homem e do Cidadão, Nacionalização de bens do clero e Elaboração da Constituição de 1791 que consistia na separação dos poderes e o direito ao voto censitário, só para os cidadãos que pagassem impostos.

5ºA questão da separação dos poderes ficou definido em que o poder legislativo era entregue à assembleia, o poder executivo era entregue ao Rei e o poder judicial ficou atribuído ao tribunal.
Dercio santos ( c nº 8

Anónimo disse...

1. Luís XVI convocou os estados gerais para solucionar os problemas económicos.
2. O 3º estado abandonou os Estados Gerais devido ao sistema de votação, pois eles queriam o sistema de votação por deputado e o clero e a nobreza apoiavam a votação por ordem, tendo este ultimo ganho.
3. o acontecimento representado na figura foi a tomada da bastilha pelo 3º estado a 14 de Julho de 1789.
4. as decisões da assembleia nacional constituinte foram. a abolição dos direitos feudais, a declaração dos direitos do homem e do cidadão(igualdade, fraternidade , liberdade e que a soberania reside na nação)a nacionalização dos bens da igreja, também decidiram que só quem pagava tinha direito ao voto censitário.
5.separaram os poderes que antes pertenciam todos ao rei ficando o poder legislativo para a assembleia nacional, o poder executivo continuou a pertencer ao rei, tendo a poder judicial passado a pertencer ao tribunal.

sabrina santos da silva
8º d
Nº25

Filipa Almeida 8ºC Nº10 disse...

1-os motivos que levaram Luís XVI a convocar os Estados Gerais foram a perda de dinheiro por causa das guerras, o acordo com a Inglaterra que leva á falência das manufacturas francesas, o rei gasta muito dinheiro com a nobreza e o clero e quer aumentar os impostos tambem aplicados a nobreza e ao clero, estes não aceitando esse imposto, o rei convoca os Estados Gerais.

2-o motivo que leva a que o 3º Estado abandone os Estados Gerais foi a questão do voto por ordem.

3- O acontecimento representado na fig.1 e a Tomada da Balestilha registada no dia 1 de Julho de 1789.

4- As medidas tomadas pela Assembleia constituinte foram:
-a Abolição dos direitos feudais;
-a declaração dos direitos do Homem e do Cidadão:
-Todos os Homens são iguais perante a lei
-A soberania reside na Nação (e não no rei)
-Direito á propriedade;
-a Nacionalização dos bens do Clero;
-Constituição de 1791;
-Separação dos poderes:
-poder legislativo - Assembleia
-poder executivo - Rei
-poder judicial - Tribunais;
-Eleição da Assembleia:
-voto censitário (só vota quem paga imposto "censo").

5-A questao da separação dos poderes ficou definida por o poder legislativo é entregue a uma assembleia eleita, o poder executivo ao rei e o poder judicial aos tribunais.

Nuno Nº21 8D disse...

1-Para solucionar os problemas económicos;
2-Por causa do sistema de votação por ordem;
3-14 de Julho de 1789;
4->Abolição dos direitos feudais;
>Declaração dos direitos do homem e do Cidadão;
>A Soberania reside na Nação;
>Nacionalização dos Bens da Igreja;
>Separação de Poderes;
>Voto censitário.
5-Voto censitário.

Anónimo disse...

1-Os motivos que levaram Luís XVI a convocar as Estados Gerais : foi que ele (Luís XVI) tinha aumentado os impostos ,alargando o seu pagamento aos grupos sociais privilegiados.O rei,fez a proposta a nobreza e o clero e eles racusam a sua proposta e ele foi obrigado a convocar os Estados Gerais,resposta a numero 1.


2-Os motivos que levaram os representantes do 3º Estado a abandonar os Estados Gerais:foi porque o clero e a nobreza queriam o Sistema de votação fosse por ordem e como os Estados Gerais,eram os representantes do povo e da burguesia exigiam a sua ateração no voto por deputado, e os 3º Estado abandonou os Estados Greais.resposta a numero 2.


3-O acontecimento representado na fig.1 foi em 14 de julho de 1789 o acontecimento e chamado por Tomada da Bastilha.resposta a numero 3.


4-As medidas tomadas pela Assembleia Constituinte foram:
-Abolição dos direitos feudais;
-Declarção dos direitos do homem e do cidadão.
-Liberdade;
-Igualdade;
-Fraternidade;
-A saberania reside na nação;
-Nacionalização dos bens da igreja;
-Constituição de 1791:Separção de poderes.resposta a numero 4.

5-A Separação de poderes ficou definida :
-Legislativo-Assembleia Nacional;
-Executivo-Rei;
-Judicional-Tribunais.resposta a numero 5.

TRABALHO REALIZADO POR: Rute Pereira Nº1 TURMA: D 8ºANO

Rodrigo Pereira disse...

1) Luís XVI, como solução para os problemas das finanças públicas (gastos com guerras, corte, falhanço ddo mercantilismo...) decidiu aumentar os impostos e alargar o seu pagamento aos grupos priveligiados (Clero e Nobreza). Não obstante, estes recusaram, o que obrigou o Rei a convocar os já referidos Estados Gerais.

2) O motivo que levou os representantes do 3º Estado a abandonar os Estados Gerais, foi a questão do sistema de votação. O Clero e nobreza queriam manter o sistema de um voto por grupo social, o que os favorecia, porém o Povo e Burguesia exigiam a sua alteração para voto por deputado. Uma vez que não houve consenso, o 3º estado abandonou a reunião.

3) A Tomada da Bastilha, que aconteceu no dia 14 de Julho de 1789.

4) As medidas forma as seguintes:

* abolição dos direitos feudais;
* redacção da Declaração dos direitos do homem;
* Nacionalização dos bens da Igreja;
* elaboração da constituição de 1791.

5) A organização dos poderes ficou definida da seguinte forma:
Poderes:
* Legislativo - Assembleia Nacional
* Executivo - Rei
* Judicial - Tribunais

---
Respostas de: Rodrigo Pereira, 8ºD - 23

Anónimo disse...

1. 1ºLuisXVI teve de convocar estados gerais porque, como a França andava envolvida em guerras (dos 7anos e da independência dos EUA) implicava a perda de dinheiro, acordos com a Inglaterra que faziam com que as fabricas de manufacturas entrassem em falência e o rei gastava muito dinheiro com o clero e com a nobreza, tudo isto fez com que o rei tivesse de aumentar imposto, mas quem pagava agora era o clero e a nobreza, pois o 3ºestado não tinha mais dinheiro, só que eles não aceitaram esse imposto e assim o rei teve de convocar os estados gerais


2. Os motivos que levaram com que 3ºestado abandonassem os estados gerais foi a questão do voto, pois o clero e a nobreza queria que o voto fosse por ordem o que fazia com que eles ganhassem mas o 3ºestado queria que fosse por cabeça pois eles eram mais que o clero e a nobreza juntos e se assim fosse eles ganhavam.


3. O acontecimento representado na fig.1 foi a tomada da Bastilha em 14 de Junho de 1789


4. As medidas tomadas na assembleia constituinte foram as seguintes: abolição dos direitos feudais, declaração dos direitos do Homem e dos cidadãos(todos os Homens são iguais perante a lei, a soberania reside na nação e não no rei e o direito a propriedade) e a nacionalização dos bens do clero.


5.A questão da separação dos poderes ficou definida da seguinte forma: poder legislativo pertencia a assembleia, o poder executivo pertencia ao rei e o poder judicial pertencia ao tribunal.
Francisco Estevam
8c nº11

Anónimo disse...

1- Os motivos que levaram Luís XVI a convocar os Estados Gerais foram porque o reino estava com algums problemas com a balança mercantilista que falhou causando dificuldades financeiras.O rei Luís XVI perante esta situação decidiu aumentar os impostos ao 3º estado,á nobreza e ao clero. A nobreza e o clero não concordaram com essa medida e a recusaram (o poder do rei estava fraco), o rei sem saber o que fazer convocou os estados gerais. 2-Os motivos que levaram ao abandono dos Estados Gerais foram que como a nobreza e o clero queriam manter o sistema de voto tradicional de um voto por ordem social,(que lhes era favorável, mas os representantes do povo e da burguesia (como eram mais) exigiam a alteração para voto por deputado.
3-O acontecimento representado na fig.1 é a tomada da Bastilha que sucedeu a 14 de Julho de 1789.
4-As medidas tomadas pela assembleia nacional constituinte foram abolição dos direitos feudais ,declaração dos direitos do homem e do cidadão, nacionalização dos bens da igreja constituição de 1791, voto censitário.
5-A separação de poderes ficou definido que o poder legislativo ficava a assembleia, o poder executivo com o rei, o poder judicial com os tribunais.
trabalho realizado por Lucas silva 8ºD nº19

Anónimo disse...

Joana Santos nº17

1)Os motivos que levaram Luís XVI a convocar os estados gerais foi, para resolver o problma das finanças públicas, pretendia por meio de uma reforma fiscal, aumentar os impostos, alargando o seu pagamento aos grupos sociais preveligiados, mas a recusa da nobreza e do clero em aceitar esta proposta obrigou o rei a convocar a reunião dos estados gerais.

2)Os motivos que levaram os representantes do 3ºestado abandonar os estados gerais foi o sistema de votação ou por ordem disputa e assim o 3ºestado abandona os estados gerais.

3)O acontecimento da fig.1 é a Tomada da Bastilha,que foi a 14 de Julho.

4)As medidas tomadas pela assembleia nacional constituinte foram:
-A bolição dos direitos feudais
-Declaração dos direitos do homem e do cidadão:-igualdade
-liberdade
-fraternidade
-asoberania reside na nação.
-nacionalização dos bens da igreja
-constituição de 1791
-separação de poderes:
*legislativo-assembleia nacional
*executivo-rei
*judicial-tribunais
*voto censitário-só vota quem paga impostos

5)A separação de poderes ficou definido assim:
**legislativo-assembleia nacional
*executivo-rei
*judicial-tribunais
*voto censitário-só vota quem paga impostos

Anónimo disse...

1) D. Luís XVI convocou os Estados Gerais porque França estava num momento de crise e D. Luís XVI decidiu fazer uma nova lei em que ele cobrava impostos ao Clero e a Nobreza, estes não aceitaram por isso foi chamado os Estados Gerais.
2) Os motivos que levaram os representantes do 3º Estado a abandonar os Estados Gerais foi eles não terem feito a eleição por votos de cabeça.
3) Isto é uma revolução em marcha, que se sucedeu na Bastilha em 14 de Julho de 1789.
4) As medidas tomadas pela Assembleia Constituinte foram: declaração dos direitos dos homens e dos cidadãos; a bolição dos direitos feudais; todos os homens são iguais;a sobrania existe na nação e não no rei.
5) Poder legislativo: assembleia
Poder executivo: Rei
Poder judicial: tribunais.

hafssana
8ºC
nº12

Ibrahim disse...

1) Em 1789 a França era um Estado Absoluto, com uma sociedade estratificada( Clero,Nobreza,3ºEstado) e pertendia ser uma potência Colonial e devido aos gastos com as guerras e com as cortes instala-se uma crise económica, e uma das soluções foi aumentar os impostos aos GRUPOS PRIVELIGIADOS tendo este recusado a pagar,sendo necessário ter que recorrer aos Estados Gerais.

2) Nos Estados Gerais o sistema de votação era:
--> por ordem, favorecia ao Clero e Nobreza;
--> por deputado, favorecia ao 3º Estado;
Sem chegar a um consenso , os membros do 3º Estado declararam constituir uma Assembleia Nacional, abandonando os Estados gerais.

3) Este acontecimento ficou conhecido como a " Tomada da Bastilha" ou seja, alguns burgueses e soldados tomaram de assalto a Bastilha em 14 de Julho de 1789.

4) As medidas foram:
--> Abolição dos direitos feudais;
--> Declaração dos direitos do Homem e do cidadão( defende a: Igualdade;Liberdade; fraternidade e a sobernia reside na nação).
--> Nacionalização dos bens da Igreja;
--> Constituição de 1731;
--> Voto Censitório: "Vota quem paga impostos".

5) Separação dos Poderes:
Legislativo-> Assembleia Nacional;
Executiv-> Rei;
Judicial-> Tribunais.

8ºD Nº13

Márcio disse...

Márcio Simões,nº20, 8ºD


1-O que levou Luís XVI a convocar os Estados Gerais foi a recusa do clero e da nobreza a aumentar os impostos ou cobrar aos grupos privelegiados.

2-Os motivos que levaram o 3ºEstado a abandonar os Estados Gerais foram que como a nobreza e o clero queriam manter o sistema tradicional de um voto por ordem social , os representantes do 3ºEstado exigiam a sua alteração para um voto por depotado, não chegaram a um consenso e assim os membros do 3ºEstado como representantes da maioria da populaçãodeclararam constituir a Assemblei Nacional.

3-Tomada da Bastilha 14 de Julho de 1789.

4-Foram: a abolição dos direitos feudais, Declaração dos direitos do Homem e do cidadão (liberdade,faternidade e igualdade), Nacionalização dos bens da Igreja, e Elaboração da constituição de 1791.

5-Período da Convenção, Períododo "Terror.

Anónimo disse...

1) Os motivos que levaram o rei Luis XVI a convocar os Estados Gerais foram:Luís XVI pretendia,por meio de uma reforma fiscal,aumentar os
impostos ,alargando o seu pagamento aos grupos sociais privilegiados.A recusa da nobreza e do clero em aceitar esta proposta obrigou o rei a convocar a reunião dos Estados Gerais.

2)O acontecimento representado na figura é a Tomada da Bastilha,que aconteceu em 14 de Julho de 1789.

3)As medidas tomadas pela Assembeleia Constituinte foram :
3º Estado reunido na sala,14 de Julho de 1789 a Tomada da Bastilha, as decisões da A.N.C,a abolição dos direitos faudais ,declaração dos direitos do homem e do cidadão:
-Igualdade
-Fraternidade
-Liberdade ,a nacionalização dos bens da igreja,constituição de
1791,separação de poderes
-Legislativo-Assembeleia Nacional
-Executivo-Rei
-Judicial-Tribunais,
voto censitário e so votava quem pagasse imposto.

4)Os poderes foram divididos pelo poder: Legislativo,Judicial e Executivo.

Daniela Ribeiro Rodrigues nº5 8ºD

Duarte Oliveira disse...

1.O rei Luís XVI convocou os Estados Gerais em 1789 para tentar solucionar os problemas económicos, nomeadamente a grave crise financeira resultante do défice das contas do Estado.
Como a nobreza e o clero não aceitaram a proposta do rei de alargar o pagamento de impostos aos grupos privilegiados, o rei convocou os Estados Gerais.

2.Os motivos que levaram o Terceiro Estado a abandonar os Estados Gerais foi o sistema de votação por ordem que beneficiava a nobreza e o clero. O Terceiro Estado pretendia o sistema de um voto por deputado.

3.O acontecimento representado na figura 1 foi a Tomada da Bastilha em 14 de Julho de 1789. O povo, liderado por alguns burgueses e soldados, tomou a prisão da Bastilha (símbolo do poder absoluto do rei), libertando os seus prisioneiros.

4.As medidas tomadas pela Assembleia Nacional Constituinte foram:
•A abolição de direitos feudais, da dízima paga à Igreja e da venalidade dos cargos;
•A Declaração dos Direitos do Homem e do Cidadão (Igualdade, Liberdade, Fraternidade, Propriedade e a soberania reside na nação);
•A nacionalização dos bens da Igreja;
•A Constituição de 1791 (princípio da separação dos poderes e voto censitário).

5.Na Constituição de 1791 a questão da separação dos poderes ficou definida da seguinte forma:
•O poder legislativo foi entregue a uma assembleia eleita;
•O poder executivo ao rei;
•O poder judicial aos tribunais.

Diogo Nº6 8ºD disse...

pergunta1:
Os motivos que levaram Luís XVI a convocar os estados gerais, foram para solucionar os problemas económicos.

Diogo Nº6 8ºD disse...

pergunta2:
Os motivos que levaram os representantes do 3º Estado a abandonar os Estados Gerais porque a votação por ordem a X ou por deputados.

Diogo Nº6 8ºD disse...

pergunta3:
Foi a tomada da bastilha pelo 3ºEstado em 1789 a 14 de Julho.

Diogo Nº6 8ºD disse...

pergunta4:
As medidas foram: abolição dos direitos feudais, declaração dos direitos do homem e do cidadão,(Igualdade, Fraternidade e liberdade), nacionalização dos bens da igreja e a constituição de 1791 que separava os poderes legislativo, executivo e judicial também criou o voto censitário (só vota quem paga imposto).

Diogo Nº6 8ºD disse...

pergunta:5
Na separação de poderes havia o legislativo que era da Assemblei Nacional Constituinte, o executivo que era para o Rei e por fim o judicial que era para os tribunais.

Anónimo disse...

1-Os motivos que levaram Luis XVI a convocar os estados gerais foi para solucionar os produtos ecónómicos.

2-Os motivos foram:
-O sistema de votação ou por ordem;
-A por deputado.

3-Foi a tomada da Bastilha em 1789.

4-As medidas tomadas foram:
-Abolição dos direitos feudais;
-Declaração dos direitos dos homens e cidadão(igualdade,liberdade e fraternidade);
-Nacionalização dos bens da igreja;
-Constituição de 1971.

5-A separação de poderes ficou definido da seguinte forma:
Legislativo-Assembleia Nacional;
Executivo-Rei;
Judicial-Tribunais.

Ines Pires nº14 8ºD

On line



Projecto da responsabilidade de Carlos Jorge Canto Vieira


Seguidores

Hoje na História

Pesquisar neste blogue